Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Muito me contas

Blog sobre a actualidade, a vida e sempre com uma pitada de positividade!

Muito me contas

Blog sobre a actualidade, a vida e sempre com uma pitada de positividade!

Os sacos pagam-se!? E não são só os do Pingo Doce!

(Dia dos) namorados.png

Outro dia estava no Continente onde tudo estava normal, ou seja, haviam pessoas nas filas de espera, outras a pagar e ainda as que passeavam pelo hipermercado. No dia seguinte tudo estava diferente e, até, anormal. As pessoas levavam as compras aos braços. Os carrinhos de compras estavam cheios de produtos espalhados e misturados no mesmo. Não haviam sacos. Nenhuns. Nada. Zero. Mal parecia o Pingo Doce ou o Lidl, quanto mais o continente... E depois lembrei-me. Lembrei-me que tinha lido alguns títulos onde era mencionado o pagamento de sacos. Nesse mesmo dia fui à Fnac e, para espanto meu (provavelmente ingénuo) não haviam sacos. Nada. Zero. Nenhuns. A senhora que me atendeu perguntou: 'Vai desejar saco?'. Prontamente respondi: 'claro!'. Pois, ao que parece esta saco (igual a tantos outros que recebi gratuitamente) custou 0,03€ porque era o de tamanho inferior. Já os do Continente estão a 0,10€ mas, verdade seja dita, são bem maiores e mais resistentes do que os ditos 'normais' e 'sacos para o lixo'. Políticas ambientais e preços à parte, o Continente esteve muito bem e já tenho o meu saco 'reutilizável' a recordar o verão (o que é sempre agradável em dias mais 'frescos' e ventosos como os que temos passado).

Confesso que, inicialmente, achei esta medida um pouco exagerado. Depois, pesquisei um pouco acerca do assunto e percebi que esta iniciativa não é assim tão descabida. Pelo que li, os sacos ditos 'normais' e 'sacos para o lixo' têm bastante dificuldade em degradarem-se, são demasiado leves o que faz com que voem das lixeiras e poluem o ambiente durante anos após a sua utilização. Estes 'novos' sacos de plástico mais resistentes poluem menos e têm uma durabilidade superior aos mais leves e finos.

Tudo tem uma taxa. Tudo tem consequências. E nós portugueses, temos dificuldade em aceitar a mudança. Mas se nos habituámos ao pagamento de sacos a € 0,02 e € 0,03 e ao pagamento de compras a dinheiro (com impossibilidade de efectuar o pagamento através de cartão de multibanco) no Pingo Doce, talvez também nos habituemos a esta medida. Talvez. Efectivamente, noutros países, existem já há alguns anos medidas como a implementação dos sacos de papel sem alças. Mas nós, resistimos à mudança e achamos insultuoso o pagamento de € 0,10 por um saco de plástico. Realmente, este valor pode ser discutível. 

Voltem trolleys, estão perdoados! Neste momento, avistar um saco de plástico será um momento glorioso já que passaremos a vislumbrar trolleys e sacos reutilizáveis frequentemente. 'Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades!' ou 'mudam-se os tempos, tentam-se mudar os hábitos'.

Muito vos contei? Os sacos estão caros. Aconselho-vos a terem alguns sacos na mala ou no carro. Dar-vos-ão imenso jeito quando estiverem a pagar e se tiverem esquecidos que os sacos, agora, se pagam.

 

 

 

Maria Inês,

Muito me contas

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.